25 de junho de 2011

Lá se vai..























Lá vem o novo destruir o velho
Lá vai o velho se perder na história
Lá vai a história se fazer em versos
Lá vão os versos na boca do poeta
Lá está o poeta sentado nos destroços da cidade
Lá se vai a cidade
Lá se vai..

Nenhum comentário:

Postar um comentário